Select Page

Música eletrônica em destaque no 60º Grammy Awards

No último fim de semana aconteceu o 60º Grammy Awards, honraria máxima que premia os melhores artistas da indústria da música. O grande vencedor da noite foi a estrela americana Bruno Mars. Com o álbum 24K Magic, o músico faturou todos os prêmios aos quais foi indicado, incluindo álbum, gravação e canção R&B do ano (com o hit “That’s What I Like”).

Porém, a premiação deste ano, reservou algo muito esperado pelos amantes da música eletrônica. Após quase 50 anos de carreira, o lendário grupo alemão Kraftwerk ganhou seu primeiro Grammy na categoria de melhor álbum de música dance e eletrônica por seu disco ao vivo “3-D The Catalogue“. O grupo já tinha sido homenageado em 2014, com o ‘Grammy Lifetime Achievement’ como mérito especial reconhecendo suas importantes contribuições para a música. Infelizmente, nenhum dos quatro integrantes da banda esteve no Madison Square Garden, para receber o prêmio.

Lançado em 27 de maio do ano passado, ‘3-D The Catalogue’ é o segundo álbum ao vivo dos alemães e documenta uma série de apresentações do grupo, em diversos museus ao redor do mundo, como o Museu de arte de New York, o Paradiso em Amsterdam, o Sydney Opera House, Tate Modern em Londres e o Kunstsammlung Nordrhein-Westfalen, museu que fica na terra natal da banda, Düsseldorf.

Já a banda de dance-rock nova-iorquina LCD Soundsystem também ganhou sua primeira estatueta com “Tonite”, sendo a “melhor gravação de dance music”. O hit “é uma das 10 faixas que compõe o novo álbum da banda liderada por James Murphy, lançado em Setembro e que concorreu como ‘melhor álbum de música alternativa’, intitulado “American Dream”. Concorria com “Tonite” a faixa “Bambro Koyo Ganda” do britânico Bonobo e o hit “Cola” collab entre os britânicos Camelphat e Elderbrook. Completam a lista de indicados a música “Andromeda” do Gorillaz e “LIne Of Sight” da dupla norte-americana Odesza. O LCD Soundsystem está confirmado para o primeiro dia do festival Lollapalooza em São Paulo, dia 23/03.

Por fim, o produtor americano Latroit ganhou o prêmio de Melhor gravação remixada, não clássica, com seu remix para a música “You Move” da banda inglesa Depeche Mode.

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Newsletter - BRMC

Inscreva-se e fique por dentro da indústria da música eletrônica do Brasil e da América Latina

SUCESSO!